Ônibus e trens têm aumento de passageiros em SP, apesar de quarentena

As linhas de ônibus da cidade de São Paulo tiveram nesta terça-feira (7) 810 mil passageiros a mais do que o registrado em 27 de março, quando a quarentena ainda não havia completado uma semana

(Foto: Cesar Ogata/SECOM)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - As linhas de ônibus da cidade de São Paulo tiveram nesta terça-feira (7) 810 mil passageiros a mais do que o registrado em 27 de março, quando a quarentena ainda não havia completado uma semana. A prefeitura aumentou a frota e colocará, a partir desta quarta-feira (9), 424 ônibus a mais nas ruas. 

Até sexta (4), havia aumento de 360 mil pessoas nos ônibus, em relação à sexta anterior. Os veículos adicionais serão distribuídos em 196 linhas, de todas as regiões.

Em nota, a companhia afirmou que as linhas foram definidas "após análise de oferta e demanda realizada pelos técnicos", verificando índices de ocupação. Os relatos foram publicados no jornal O Estado de S.Paulo.

De acordo com a Secretaria Estadual de Transportes Metropolitanos (STM), o Metrô operou esta terça-feira (7) com cerca de 20% da demanda de passageiros.

A Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) teve 27% dos passageiros e as linhas de ônibus intermunicipais tiveram 28%, na comparação com períodos de atividade normal, sem restrições. 

Segundo a SPTrans, "os terminais de ônibus com grande movimentação de pessoas contam com marcações no chão para delimitar o espaço das filas e evitar aglomerações". 

A STM infomou que "a operação é monitorada a cada hora, sobretudo em horários de pico, e quando constatada a necessidade de mais trens na linha, eles são imediatamente injetados para não ocorrer aglomerações".

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email