Paes surpreende como motorista de taxi no Rio

Ideia de contato com a população surgiu nas gravações do programa regional do PMDB; “Eles começaram com aquele papo de reclamar dos políticos, falaram mal da (presidente) Dilma (Rousseff) e do (governador Luiz Fernando) Pezão. Mas, rapaz, disseram que gostavam do prefeito. Não tinham me reconhecido ainda. Eu virei para trás, e foi um susto”, conta o prefeito do Rio sobre sua experiência como motorista

Ideia de contato com a população surgiu nas gravações do programa regional do PMDB; “Eles começaram com aquele papo de reclamar dos políticos, falaram mal da (presidente) Dilma (Rousseff) e do (governador Luiz Fernando) Pezão. Mas, rapaz, disseram que gostavam do prefeito. Não tinham me reconhecido ainda. Eu virei para trás, e foi um susto”, conta o prefeito do Rio sobre sua experiência como motorista
Ideia de contato com a população surgiu nas gravações do programa regional do PMDB; “Eles começaram com aquele papo de reclamar dos políticos, falaram mal da (presidente) Dilma (Rousseff) e do (governador Luiz Fernando) Pezão. Mas, rapaz, disseram que gostavam do prefeito. Não tinham me reconhecido ainda. Eu virei para trás, e foi um susto”, conta o prefeito do Rio sobre sua experiência como motorista (Foto: Roberta Namour)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – O prefeito Eduardo Paes tem circulado pelas ruas do Rio de Janeiro como motorista de táxi. A ideia surgiu durante as gravações do programa regional do PMDB.

“Eles começaram com aquele papo de reclamar dos políticos, falaram mal da (presidente) Dilma (Rousseff) e do (governador Luiz Fernando) Pezão. Mas, rapaz, disseram que gostavam do prefeito. Não tinham me reconhecido ainda. Eu virei para trás, e foi um susto”, conta Paes.

Em entrevista ao Globo, ele define os encontros como uma experiência mais real de contato com a população.

“Sempre usei o samba e os botequins como maneira de as pessoas ficarem próximas, sem essa coisa de estar falando com o prefeito. A pessoa fala o que quer, é quase uma pesquisa qualitativa”, diz.  

Sobre a polêmica do Uber, afirma que o serviço é ilegal (leia aqui).

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247