Petroleiros ampliam greve com adesão de trabalhadores da P-57, no Espírito Santo

"O desembarque da P-57, no ES, ocorreu na tarde desta quinta. Temos agora 114 unidades na greve. Seguimos juntos, na luta para reverter as demissões", enfatizou a FUP

(Foto: Esq.: Clívia Mesquita - Brasil de Fato / Dir.: ABR)

247 - A Federação Única dos Petroleiros (FUP) informou que a greve da categoria se ampliou com a adesão dos trabalhadores da Plataforma 57, no Espírito Santo.

"Petroleiros de mais uma plataforma do pré-sal se somam à greve da categoria. O desembarque da P-57, no ES, ocorreu na tarde desta quinta. Temos agora 114 unidades na greve. Seguimos juntos, na luta para reverter as demissões na Fafen-PR", enfatizou a entidade.

Após decisão do ministro Dias Toffoli, a Petrobras começou a descontar o salário dos trabalhadores que aderiram à greve nacional dos petroleiros. De acordo com um documento interno da empresa obtido pela Reuters, uma parte do salário foi descontado no adiantamento que foi pago no dia 10.


Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247