Prefeitura do Rio libera banho de mar e ambulantes nas praias

A permanência de banhistas na areia, no entanto, segue proibida, e os ambulantes tiveram o trabalho liberado das 7h às 18h

Rio de Janeiro - Esportistas na praia da Barra da Tijuca .
Rio de Janeiro - Esportistas na praia da Barra da Tijuca . (Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sputnik – A prefeitura do Rio de Janeiro anunciou nesta sexta-feira (31) o início da fase 5 da flexibilização da pandemia da COVID-19, liberando o banho de mar e o trabalho dos ambulantes nas praias.

A permanência de banhistas na areia, no entanto, segue proibida, e os ambulantes tiveram o trabalho liberado das 7h às 18h, sem aluguel de cadeiras e barracas e sem bebida alcoólica.

O prefeito Marcelo Crivella havia declarado no início do mês que a permanência de banhistas nas areias da praia só deveria ser liberada após a vacina contra a COVID-19. A subsecretária de Vigilância Sanitária, Márcia Rolim, por sua vez, afirmou hoje que é possível autorizar a permanência antes de uma vacina durante a pandemia. 

Além disso, foi confirmada a liberação para a reabertura de escolas particulares, que poderá ser feita de forma "voluntária". A volta às aulas nos colégios públicos ainda não tem definição de data.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247