Queiroz estava de malas prontas para voltar à prisão, quando Gilmar Mendes devolveu a domiciliar

Fabrício Queiroz, e sua mulher, Márcia Aguiar, passaram a noite de sexta-feira, 14, de malas prontas para voltarem à prisão. A tensão era grande no apartamento do casal, mas não o suficiente para ambos tocarem no assunto da delação. A decisão de Gilmar trouxe alegria aos dois, que desfizeram as malas

Fabrício Queiroz
Fabrício Queiroz (Foto: Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Desde que souberam da decisão do ministro Félix Fischer, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), de mandá-los de volta à prisão, Queiroz e esposa foram tomados de tensão. Durante o tempo todo de apreensão, a filha de Queiroz, Nathália, que é investigada no inquérito das rachadinhas, deu assistência para acalmá-los.

A reportagem do jornal O Globo destaca que “a mais tensa era Márcia, que chegou a fugir quando foi alvo de um mandado de prisão em junho. Ela só reapareceu após receber o benefício da prisão domiciliar com o marido. O fato de o casal estar, mais uma vez, a um passo da cadeia, não fez com que o assunto da delação premiada fosse levantado, segundo pessoas que os acompanham. Eles seguiam confiantes na decisão de Gilmar Mendes sobre o habeas corpus apresentado pela sua defesa no Supremo Tribunal Federal (STF), no qual pediam para permanecerem em casa ou, até mesmo, ficarem livres.”

A matéria ainda relata que “para telefonar para o advogado do pai, Nathália tinha que descer até o térreo do prédio onde está Queiroz. Por ordem judicial, foi proibida a entrada de telefones na casa do ex-assessor de Flávio Bolsonaro. A internet também está cortada, por determinação da Justiça. O advogado Paulo Emílio Catta Preta estava em Brasília, para acompanhar o andamento do pedido de seu cliente no Supremo.”

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247