Rio: candidata bolsonarista em Nova Friburgo será investigada por disparo de mensagens em massa

A candidata bolsonarista do PSL à Prefeitura de Nova Friburgo, Delegada Danielle Bessa. será investigada pelo envio de mensagens em massa

(Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O Ministério Público Eleitoral vai investigar o possível uso de empresas, robôs ou plataformas de envio de mensagens em massa, via WhatsApp, pela candidata bolsonarista do PSL à Prefeitura de Nova Friburgo, Delegada Danielle Bessa. 

De acordo com reportagem do jornal O Globo, o caso fere a legislação eleitoral e a Lei Geral de Proteção de Dados, e vai ser investigado pela 26ª Promotoria Eleitoral.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247