Sob argumento de combate a roubos, Witzel propõe isolar favelas do Rio

O plano anunciado nesta quarta-feira (16) pelo governador tem por objetivo combater roubos de cargas, para isso, Witzel quer isolar as favelas do Rio de Janeiro. "Vai praticamente zerar e reduzir muito o dinheiro que financia o tráfico", disse

Pronunciamento do governador Wilson Witzel e secretários de Estado, no Palácio Guanabara, sobre a morte da menina Ágatha Félix durante ação da Polícia Militar no complexo de favelas do Alemão.
Pronunciamento do governador Wilson Witzel e secretários de Estado, no Palácio Guanabara, sobre a morte da menina Ágatha Félix durante ação da Polícia Militar no complexo de favelas do Alemão. (Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil)

247 - O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, anunciou nesta qurta-feira (16) medidas polêmicas de investimento em segurança pública. Uma das propostas é controlar o acesso a favelas cariocas para evitar roubos de cargas.

O projeto seria implantado em "corredores das estradas e acessos onde tem entrada do roubo de cargas nas comunidades", disse o governador.

Segundo Witzel, a ação que isolará ainda mais os moradores do subúrbio "vai zerar e reduzir muito o dinheiro que financia o tráfico de armas e o tráfico de drogas".

Questionado, o governador garantiu que "não vai ter nenhum tipo de invasão na liberdade de ir e vir de nenhum cidadão".

Ao vivo na TV 247 Youtube 247