STJ manda soltar ex-governador Luiz Fernando Pezão

Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu nesta terça-feira, 10, por três votos a zero, libertar o ex-governador do Rio de Janeiro Luiz Fernando Pezão. Dois ministros da turma se declararam impedidos. Pezão está preso desde novembro de 2018, acusar de integrar esquema de corrupção

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu nesta terça-feira, 10, por três votos a zero, libertar o ex-governador do Rio de Janeiro Luiz Fernando Pezão. Dois ministros da turma se declararam impedidos.

Segundo G1, no lugar da prisão, os ministros estipularam as seguintes medidas cautelares: comparecer em juízo quando chamado; monitoramento por tornozeleira eletrônica; proibição de contato com outros réus; proibição de ocupar cargos ou funções públicas; proibição de deixar o Rio de Janeiro sem autorização judicial; comunicar o juiz qualquer operação bancária superior a R$ 10 mil; recolhimento domiciliar noturno entre 20h e 6h todos os dias. 

Pezão está preso desde novembro de 2018, quando ainda era governador. Ele é réu na Operação Lava Jato no Rio de Janeiro, acusado de integrar esquema de corrupção chefiado pelo também ex-governador Sérgio Cabral, de quem foi vice.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247