Tatto diz não haver tensão com Boulos e assegura apoio em segundo turno: ‘não vou dar espaço para plantar ódio’

Candidato do PT à prefeitura de São Paulo, Jilmar Tatto reiterou que não há qualquer animosidade com o candidato do PSOL. "Estou ‘de boa', vamos fazer a campanha, quem for para o segundo turno, um apoia o outro numa boa", disse Tatto sobre a relação com Guilherme Boulos

Jilmar Tatto e Guilherme Boulos
Jilmar Tatto e Guilherme Boulos (Foto: Filipe Araújo - Twitter)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O candidato do PT à Prefeitura de São Paulo, Jilmar Tatto, afirmou neste sábado (14) ter conversado com o adversário Guilherme Boulos (PSOL) na última semana, após a informação de que o líder do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) vinculou anúncios do Google a termos referentes ao Partido dos Trabalhadores. Ou seja: quem busca na internet palavras-chave sobre a sigla, aparecem anúncios da legenda pessolista, de acordo com informação publicada pela coluna Painel.

"Eu falei ‘Ô Boulos, no meu quintal eu não vou dar espaço para plantar ódio'", afirmou Tatto. "Então estou ‘de boa’, vamos fazer a campanha, quem for para o segundo turno, um apoia o outro numa boa", acrescentou ele durante entrevista concedida ao jornal o Estado de S.Paulo.

As especulações sobre eventuais divergências entre os dois candidatos surgiram após informações de que alguns membros do PT estariam sendo favoráveis à desistência de Tatto e de um apoio à candidatura de Boulos, à frente do petista nas pesquisas de intenções de voto.

Neste sábado (14), Tatto fez um passeio ciclístico com cerca de 15 apoiadores, da Avenida Paulista até a Liberdade. O candidato assinou uma carta-compromisso redigida por cicloativistas, que pede infraestrutura para pedestres, ciclistas e transporte público e segurança no trânsito, entre outros pontos.

Pesquisa Ibope em São Paulo divulgada, na noite desta segunda-feira (9), mostrou o candidato do PSOL em segundo lugar na disputa, com 13%, em empate técnico com Celso Russomanno, do Republicanos, que alcançou 12%, na terceira colocação. Em primeiro apareceu o prefeito Bruno Covas (PSDB).

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247