TJ-RJ vai julgar habeas corpus de Flavio Bolsonaro no caso Queiroz

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro marcou para a próxima terça-feira (16) o julgamento de habeas corpus do senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) contra quebra de sigilo de investigação do MP no caso das movimentações financeiras atípicas de Fabrício Queiroz, ex-assessor dele

Flávio Bolsonaro tenta de novo bloquear investigação na Justiça
Flávio Bolsonaro tenta de novo bloquear investigação na Justiça (Foto: Tânia Rêgo - ABR)

247 - O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro marcou para a próxima terça-feira (16) o julgamento de habeas corpus do senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) contra quebra de sigilo de investigação do Ministério Público no caso de Fabrício Queiroz, seu ex-assessor dele quando o parlamentar era deputado estadual.

O filho do presidente Jair Bolsonaro tenta barrar as investigações com o argumento de que o Ministério Público (MP) quebrou o sigilo bancário e fiscal sem autorização do Judiciário.

O Conselho Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) identificou uma movimentação financeita atípica de R$ 1,2 milhão nas contas de Queiroz. 

O ex-assessor confirmou ao MP que fazia o "gerenciamento" de valores recebidos por servidores do gabinete de Flávio Bolsonaro na Assembleia Legislativa do Rio. Queiroz também afirmou que coordenava "os trabalhos e demandas" para expandir as redes de contato e de colaboradores do parlamentar.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247