TRF-2 suspende investigação sobre ex-assessor de Flávio Bolsonaro que recebeu vazamento de Operação Furna da Onça

O advogado Victor Granado Alves teria se encontrado com o delegado da Polícia Federal que passou as informações da operação para Flávio Bolsonaro

(Foto: Reprodução | Pedro França/Agência Senado)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-2) concedeu, nesta quarta-feira, 23, habeas corpus suspendendo a investigação sobre o advogado Victor Granado Alves, ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), no caso do vazamento de informações da Operação Furna da Onça, denunciado pelo empresário Paulo Marinho (suplente de Flávio no Senado).

A Operação Furna da Onça divulgou um relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) que revelou movimentações financeiras suspeitas de Fabrício Queiroz, assessor de Flávio. A operação teria sido vazada para os assessores do senador com a participação de Granado, segundo Paulo Marinho.

O advogado também teria se encontrado com o delegado da Polícia Federal que passou as informações da operação para Flávio Bolsonaro.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247