Tribunal Regional Eleitoral nega HC a Garotinho

O Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro negou nesta quarta (16) habeas corpus ao ex-governador Anthony Garotinho (PR), preso sob acusação de comandar compra de votos na eleição em Campos dos Goytacazes (RJ), sua base eleitoral; a defesa do ex-governador vai recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral

garotinho
garotinho (Foto: Valter Lima)

247 - O Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro negou nesta quarta-feira (16) habeas corpus ao ex-governador Anthony Garotinho (PR), preso sob acusação de comandar compra de votos na eleição em Campos dos Goytacazes (RJ), sua base eleitoral. A defesa do ex-governador vai recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral.

O desembargador eleitoral afirmou que "verifica-se que os motivos que levaram o juízo impetrado a decretar a medida são relevantes". "Não se vislumbra ilegalidade manifesta na decisão atacada", afirmou o magistrado, em nota divulgada pelo TRE. De acordo com a Justiça Eleitoral, o ex-governador tentou coagir duas testemunhas do caso e eliminou documentos públicos que ajudariam na apuração da suposta compra de votos.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247