Uma vergonha, afirma Jandira sobre Dallagnol após nova Vaza Jato

A deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ) bateu pesado no Deltan Dallagnol após as novas revelações do site Intercept Brasil apontarem que ele tentou influenciar na escolha do substituto do ministro Teori Zavascki no STF. "Desrespeito total com Teori! UM DIA após a morte do ministro do STF, Deltan já se movimentava para influenciar no substituto. Vergonha!", disse

(Foto: Michel Jesus - Câmara)

247 - A deputada federal Jandira Feghali (PCdoB-RJ) bateu pesado no coordenador da força-tarefa da Operação Lava Jato, Deltan Dallagnol, após as novas revelações do site Intercept Brasil apontarem que ele tentou influenciar na escolha do substituto do ministro Teori Zavascki no Supremo Tribunal Federal. 

"Desrespeito total com Teori! UM DIA após a morte do ministro do STF, Deltan já se movimentava para INFLUENCIAR NO SUBSTITUTO. VERGONHA!", escreveu a parlamentar no Twitter.

De acordo com a reportagem, "em 31 de janeiro, Dallagnol manifestou sua preocupação com os colegas da força-tarefa do Paraná no grupo Filhos do Januário 1". 

"Ele sugeriu que dissessem a jornalistas, em off, que temiam 'que Toff, Gilm ou Lew assumam' e que delegassem aos movimentos sociais a tarefa de pressionar o STF a não definir a questão por sorteio, o que seria uma 'roleta russa'”, diz a matéria. 

Teori Zavascki faleceu em janeiro de 2017, após um acidente de helicóptero no estado do Rio de Janeiro.


Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247