Vereadora vai ao Judiciário contra aplicação do Enem em BH. Iniciativa amplia a requisição para todo o País

A vereadora de Belo Horizonte Duda Salabert (PDT) protocolou junto à legenda um mandado de segurança coletivo para suspender a aplicação do Enem por causa da pandemia. O documento amplia a requisição para todo o País

Duda Salabert (PDT)
Duda Salabert (PDT) (Foto: Divulgação (Instagram))
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A vereadora de Belo Horizonte Duda Salabert (PDT) protocolou nessa terça-feira (12) junto à legenda um mandado de segurança coletivo para suspender a aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O documento pede, prioritariamente, a suspensão em Minas Gerais, mas amplia a requisição para todo o País. A prova está prevista para os próximos dois finais de semana, nos dias 17 e 24.

Em texto apresentado ao Judiciário, a parlamentar afirmou que os "índices de ocupação do sistema de saúde de Belo Horizonte e outras cidades estão em alta desde o final de dezembro e a manutenção da data atual seria uma ameaça à saúde pública". Os relatos foram publicados pelo jornal O Tempo.

"Ressalta-se também que, em enquete promovida pelo Ministério da Educação, os estudantes escolheram o mês de maio como a melhor data para realização do exame e a decisão não foi acatada pelo MEC", diz nota encaminhada à imprensa.

"Não existe, segundo os melhores parâmetros científicos, forma segura de garantir a realização do exame nesse momento​", disse.

O ministro da Educação, Milton Ribeiro, afirmou que o exame não será adiado "primeiro porque tomamos todos os cuidados de biossegurança possíveis". "Queremos dar tranquilidade para você que vai fazer a prova, assim como aconteceu no domingo, em menor proporção, claro, no exame da Fuvest [vestibular da Universidade de São Paulo (USP)]", disse. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247