Witzel acredita que ataques de Bolsonaro são "vacina" a nova citação de Flávio e Carlos em investigações

Segundo fontes próximas a Wilson Witzel (PSC-RJ), Jair Bolsonaro mantém o ataque contra o governador do Rio porque precisa produzir “vacina” contra eventuais revelações que estão por vircontra os filhos Carlos e Flávio Bolsonaro

(Foto: Marcos Correa/PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Aliados próximos ao governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC) dizem que os ataques de Jair Bolsonaro contra o governador é porque precisa produzir “vacina” contra eventuais revelações e achados das investigações que seguem no Ministério Público do Rio contra os filhos. A informação é do Radar, da revista Veja.

Segunda a revista, o governador acredita que o receio de que os investigadores tenham avançado nas apurações contra Flávio e Carlos que orienta as ações hostis de Bolsonaro.

Nesta sexta-feira (13), Bolsonaro afirmou que que outras acusações envolvendo seu nome e de pessoas da sua família vão aparecer nas investigações do assassinato de Marielle Franco (PSol-RJ) e Anderson Gomes.

“É uma maquinação constante querendo derrubar, denegrir minha imagem. Te acusar de alguma coisa. O caso Marielle, no Rio de Janeiro, que não acabou ainda. Outras acusações virão. Armações, sabem de quem”, disse Bolsonaro às pessoas que o aguardavam na saída do Palácio da Alvorada.

Ainda de acordo com aliados, Witzel não pretende revidar os ataques de Bolsonaro e vai seguir tentando abrir canal com o governo federal para tratar dos problemas do Rio.

Para elevar a temperatura, a Veja também afirmou que fontes informaram que o Planalto teria recebido denúncias anônimas que revelariam movimentos do governador do Rio para manipular investigações de modo a difamar o clã presidencial.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247