Contra o Uber, taxistas pedem apoio de Moro

Diversos taxistas fizeram uma manifestação, em Curitiba, contra a Uber – aplicativo de transporte privado de passageiros; os taxistas se concentraram na radiotáxi Faixa Vermelha e ainda nesta manhã devem seguir, em carreata, para a Justiça Federal para pedir apoio ao juiz Sérgio Moro, responsável pelas ações da Operação Lava Jato na primeira instância; "Queremos apoio do juiz na nossa causa. As denúncias que temos são de nível federal. Vamos entregar dossiês na Justiça Federal, Ministério Público Federal e Polícia Federal", disse o presidente da União dos Taxistas de Curitiba, Fábio Taborda

Diversos taxistas fizeram uma manifestação, em Curitiba, contra a Uber – aplicativo de transporte privado de passageiros; os taxistas se concentraram na radiotáxi Faixa Vermelha e ainda nesta manhã devem seguir, em carreata, para a Justiça Federal para pedir apoio ao juiz Sérgio Moro, responsável pelas ações da Operação Lava Jato na primeira instância; "Queremos apoio do juiz na nossa causa. As denúncias que temos são de nível federal. Vamos entregar dossiês na Justiça Federal, Ministério Público Federal e Polícia Federal", disse o presidente da União dos Taxistas de Curitiba, Fábio Taborda
Diversos taxistas fizeram uma manifestação, em Curitiba, contra a Uber – aplicativo de transporte privado de passageiros; os taxistas se concentraram na radiotáxi Faixa Vermelha e ainda nesta manhã devem seguir, em carreata, para a Justiça Federal para pedir apoio ao juiz Sérgio Moro, responsável pelas ações da Operação Lava Jato na primeira instância; "Queremos apoio do juiz na nossa causa. As denúncias que temos são de nível federal. Vamos entregar dossiês na Justiça Federal, Ministério Público Federal e Polícia Federal", disse o presidente da União dos Taxistas de Curitiba, Fábio Taborda (Foto: Leonardo Lucena)

Paraná 247 - Diversos taxistas fizeram uma manifestação nesta quinta-feira (7), em Curitiba, contra a Uber – aplicativo de transporte privado de passageiros. Eles são contrários ao funcionamento da tecnologia no País, alegando concorrência desleal.

O presidente da União dos Taxistas de Curitiba, Fábio Taborda, disse que a categoria não é contrária à concorrência ou à tecnologia. "Somos contra porque é ilegal", afirmou,

Os taxistas se concentraram na radiotáxi Faixa Vermelha e ainda nesta manhã devem seguir, em carreata, para a Justiça Federal para pedir apoio ao juiz Sérgio Moro, responsável pelas ações da Operação Lava Jato na primeira instância.

"Queremos apoio do juiz na nossa causa. As denúncias que temos são de nível federal. Vamos entregar dossiês na Justiça Federal, Ministério Público Federal e Polícia Federal", afirmou Taborda, segundo relato do G1. Ele não quis comentar o conteúdo destes documentos, informou que, por enquanto, são secretos. A União dos Taxistas de Curitiba afirma representar mil profissionais na cidade.

Um projeto de lei, assinado por 17 dos 38 vereadores da Câmara Municipal de Curitiba, pretende regulamentar o transporte privado individual a partir do compartilhamento de veículos, assim como funciona a Uber. De acordo com a proposta, o serviço seria submetido às regras e ao pagamento de taxas à prefeitura.

Quem descumprir a regra será multado em R$ 1,7 mil, segundo a proposta. Em caso de recorrência, o valor é duplicado. A lei teve um parágrafo vetado, que na prática ampliou a discussão e abriu espaço para a regulamentação dos motoristas do Uber.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247