Covid-19: "estamos em colapso", afirma prefeito de Chapecó sobre sistema de saúde da cidade

"Se você tiver um milhão de reais no bolso agora e precisar internar a sua esposa numa UTI em Chapecó, não vai ter lugar", alertou João Rodrigues

João Rodrigues
João Rodrigues (Foto: Leandro Schmidt/Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O prefeito de Chapecó (SC), João Rodrigues (PSD), afirmou em pronunciamento pela internet neste domingo (14) que a cidade chegou ao "estágio de colapso" do sistema de saúde em razão do avanço da pandemia de coronavírus.

Ele alertou que já estão ocorrendo transferências de pacientes para outros municípios por causa da falta de leitos de UTI para Covid-19 em Chapecó.

“Estamos em estágio de colapso, não é mais quase, é colapso. Se você tiver um milhão de reais no bolso agora e precisar internar a sua esposa numa UTI em Chapecó, não vai ter lugar”, disse.

Rodrigues teme que o recrudescimento da pandemia na cidade seja reflexo de uma nova variante do coronavírus descoberta em Santa Catarina na última semana.

A prefeitura determinou o fechamento de bares, restaurantes e de espaços de lazer. “Algumas pessoas têm me criticado por fechar escolas, bares e igrejas, mas é uma medida necessária para frear o contágio”, falou o prefeito.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email