Detido na Lava Jato, ex-vereador deixa prisão

Alexandre Romano, de Americana (SP), foi preso na 18ª fase da Operação Lava Jato, sob acusação de envolvimento em irregularidades em contratos do Ministério do Planejamento; decisão foi da Justiça Federal de São Paulo; Romano deixou a prisão em Curitiba neste sábado e passará a usar tornozeleira eletrônica

Alexandre Romano, de Americana (SP), foi preso na 18ª fase da Operação Lava Jato, sob acusação de envolvimento em irregularidades em contratos do Ministério do Planejamento; decisão foi da Justiça Federal de São Paulo; Romano deixou a prisão em Curitiba neste sábado e passará a usar tornozeleira eletrônica
Alexandre Romano, de Americana (SP), foi preso na 18ª fase da Operação Lava Jato, sob acusação de envolvimento em irregularidades em contratos do Ministério do Planejamento; decisão foi da Justiça Federal de São Paulo; Romano deixou a prisão em Curitiba neste sábado e passará a usar tornozeleira eletrônica (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – O ex-vereador Alexandre Romano (SP) deixou a prisão em Curitiba na manhã deste sábado. Ele havia sido detido na 18ª fase da Operação Lava Jato, no dia 13 de agosto deste ano.

A decisão foi da Justiça de São Paulo. O ex-vereador passará a usar tornozeleira eletrônica. Ele é acusado de envolvimento em irregularidades em contratos do Ministério do Planejamento, segundo informações do Ministério Público.

A denúncia é de que empresas do Grupo Consist Software teriam assinado contratos sem licitação e repassado dinheiro a operadores do esquema, entre eles o ex-vereador.

Parte do dinheiro desviado – estimado em R$ 37 milhões, segundo os investigadores – teria sido repassado para a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), que nega as acusações.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email