Em um mês, movimento Fora Dilma “vira pó” em Curitiba

Como já era esperado, foi um fiasco a manifestação pelo impeachment fora Dilma em Curitiba. Segundo a Polícia Militar, apenas 3 mil pessoas compareceram ao protesto convocado pelo movimento "Endireita Paraná", cujos integrantes são ligados ao deputado licenciado Ratinho Júnior (PSC) e ao governador Beto Richa (PSDB)

manifestacao em curitiba, foto orlando kissner.
manifestacao em curitiba, foto orlando kissner. (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Blog do Esmael - Como já era esperado, foi um fiasco a manifestação pelo impeachment fora Dilma em Curitiba. Segundo a Polícia Militar, apenas 3 mil pessoas compareceram ao protesto convocado pelo movimento "Endireita Paraná", cujos integrantes são ligados ao deputado licenciado Ratinho Júnior (PSC) e ao governador Beto Richa (PSDB).

Os manifestantes iniciaram a concentração por volta das 14 horas na Praça Santos Andrade (UFPR) e às 15h25 saíram em passeata até a Boca Maldita. O evento foi encerrado às 16h40.

Durante a concentração e passeata, prevaleceu palavras de ordem carregadas de ódio contra a presidenta da República e o PT. Sem muitos argumentos, os organizadores xingavam Dilma, Lula, Toffoli e Edson Fachin (futuro ministro do STF).

Os "líderes" chegaram a propor o juiz federal Sérgio Moro, da Operação Lava Jato, no lugar da presidenta Dilma.

Também sobrou farpas dos manifestantes de extrema-direita para o senador Roberto Requião (PMDB), TV Globo e o Blog do Esmael, que, em parceria com a TV 15, transmitiu o protesto ao vivo.

"Todos somos contra a corrupção, mas passeata puxada pelos corruptos e por comissionados vestidos com camisa amarela não dá", disse Requião ao Blog do Esmael. Para o senador, "a manifestação de hoje não foi nem 5% da realizada em 15 de março".

Há um mês, 80 mil pessoas foram às ruas da capital protestar contra a corrupção e Dilma. No entanto, a organização do movimento sofreu duro revés com a prisão de dois próceres: Luiz Abi Antoun, o parente de Richa, e Marcelo "Tchello" Caramori, ex-assessor do governador em Londrina (clique aqui).

O "Endireita Paraná" promete fazer um panelaço no próximo dia 21 de abril, durante a exibição do Jornal Nacional, na TV Globo.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247