Gleisi: Janot ficará 'carimbado' por delação 'furada' da JBS

A senadora Glesi Hoffmann, presidenta do PT, fez críticas ao procurador-geral da República, Rodrigo Janot, em discurso no Senado nesta quarta-feira;  Para Glesi, Janot sairá da função de chefe do Ministério Público “carimbado”  pela suspeita de fraudes nas delações de executivos da JBS e que a denúncia oferecida nesta terça-feira (05) contra ela e outros cinco petistas tem o objetivo de desgastar o partido

Brasília - A senadora Gleisi Hoffmann discursa no Plenário do Senado durante sessão não deliberativa (Wilson Dias/Agência Brasil)
Brasília - A senadora Gleisi Hoffmann discursa no Plenário do Senado durante sessão não deliberativa (Wilson Dias/Agência Brasil) (Foto: Charles Nisz)

Paraná 247 - A presidenta do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR), criticou o procurador-geral da República, Rodrigo Janot em discurso no Senado nesta quarta-feira (06). Para Glesi, Janot sairá da função de chefe do Ministério Público “carimbado”  pela suspeita de fraudes nas delações de executivos da JBS. O mandato de Janot na PGR termina no dia 17 de setembro.

Janot anunciou nesta segunda-feira (04) que o acordo de delação de Joesley Batista, dono do JBS, do executivo Ricardo Saud e do advogado da empresa, Francisco de Assis e Silva será revisado. A PGR suspeita que o trio omitiu informações e que o ex-procurador da República Marcello Miller atuou para ajudar os executivos no acordo.

“Dr. Janot, vossa excelência está para sair do cargo e quer mostrar serviço? É isso? Só que vossa excelência vai sair do cargo e vai sair carimbado por essa delação da JBS e por ter um dos seus principais procuradores, pessoa de sua absoluta confiança, envolvido até o último fio de cabelo numa negociata de delação furada. É isso que o senhor vai levar para o seu currículo”, afirmou Gleisi.

A senadora paranaense  também criticou Janot pela denúncia por organização criminosa que ele apresentou nesta terça-feira (05) contra Glesi e outros cinco petistas. Para a senadora, a peça "carece de fundamento" e Janot vai ser "ridicularizado" por feito a denúncia. De acordo com a senadora, Janot apresentou a denúncia para dar respaldo ao procurador Marcelo Muller e para desgastar o PT.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247