Governador de SC se descola de Bolsonaro: extremismo e sandice

O governador de Santa Catarina, Carlos Moisés da Silva (PSL), é mais um integrante do partido de Jair Bolsonaro que vem se descolando das ideias do ocupante do Planalto. "O que quis dizer é que o que a gente vê nas redes sociais são militâncias extremas, ou extrema direita ou extrema esquerda, o pessoal da arminha. Para mim é muita sandice", criticou

Carlos Moisés da Silva
Carlos Moisés da Silva (Foto: Julio Cavalheiro/SECOM)

247 - O governador de Santa Catarina, Carlos Moisés da Silva (PSL), é mais um integrante do partido de Jair Bolsonaro que vem se descolando das ideias do ocupante do Planalto.

"O que quis dizer é que o que a gente vê nas redes sociais são militâncias extremas, ou extrema direita ou extrema esquerda, o pessoal da arminha. Para mim é muita sandice", criticou o chefe do executivo catarinense em entrevista ao jornal Folha de S.Paulo.

O governador também criticou a flexibilidade do uso de agrotóxicos pelo atual governo. “Qualquer pessoa que raciocine um pouco, que saia do padrão mediano, vai entender que não se pode incentivar o uso [de agrotóxico]”, afirmou na entrevista. 

De acordo com o governador, Bolsonaro erra na comunicação em alguns momentos e "acaba sendo mal compreendido". "Ele tem personalidade forte. Quando se manifesta, às vezes é de forma muito incisiva e acaba dando esse tom", opinou.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247