Lava Jato divulga novo vídeo e diz que projeto de abuso protege corruptos

Em novo vídeo contra o projeto de abuso de autoridade que deve ser votado na quarta-feira 26 no Senado, procuradores da força-tarefa da Lava Jato afirmam que a aprovação do texto, que prevê punição a procuradores e juízes que cometem excessos em suas ações, os 'impede de fazer seu trabalho' e "protege os corruptos"; o senador Roberto Requião (PMDB-PR), relator do projeto, tem criticado duramente quem tem se posicionado contra a proposta, como a TV Globo; "Absolutamente surreal, incrível, a defesa de abusadores de poder por parte de autoridades e parlamentares. Demência ou oportunismo?", questionou

Em novo vídeo contra o projeto de abuso de autoridade que deve ser votado na quarta-feira 26 no Senado, procuradores da força-tarefa da Lava Jato afirmam que a aprovação do texto, que prevê punição a procuradores e juízes que cometem excessos em suas ações, os 'impede de fazer seu trabalho' e "protege os corruptos"; o senador Roberto Requião (PMDB-PR), relator do projeto, tem criticado duramente quem tem se posicionado contra a proposta, como a TV Globo; "Absolutamente surreal, incrível, a defesa de abusadores de poder por parte de autoridades e parlamentares. Demência ou oportunismo?", questionou
Em novo vídeo contra o projeto de abuso de autoridade que deve ser votado na quarta-feira 26 no Senado, procuradores da força-tarefa da Lava Jato afirmam que a aprovação do texto, que prevê punição a procuradores e juízes que cometem excessos em suas ações, os 'impede de fazer seu trabalho' e "protege os corruptos"; o senador Roberto Requião (PMDB-PR), relator do projeto, tem criticado duramente quem tem se posicionado contra a proposta, como a TV Globo; "Absolutamente surreal, incrível, a defesa de abusadores de poder por parte de autoridades e parlamentares. Demência ou oportunismo?", questionou (Foto: Gisele Federicce)

247 - Em novo vídeo contra o projeto de abuso de autoridade que deve ser votado nesta quarta-feira 26 no Senado, procuradores da força-tarefa da Lava Jato afirmam que a aprovação do texto, que prevê punição a procuradores e juízes que cometem excessos contra cidadãos, ameaça a investigação.

"Ele nos impede de fazer nosso trabalho", disse o procurador responsável pela Lava Jato no Rio, Eduardo El Hage, no vídeo ao lado de Deltan Dallagnol e Carlos Fernando dos Santos Lima. O projeto também "protege os corruptos", de acordo com o trio.

Este é o segundo vídeo divulgado por procuradores que pedem mobilização a sociedade contra o projeto. "Liguem para o Senado, expressem sua posição", defendem eles. O primeiro vídeo foi duramente criticado por advogados e até juristas. Entre os críticos esteve Reinaldo Azevedo, blogueiro de Veja.

O senador Roberto Requião (PMDB-PR), relator do projeto, tem criticado duramente quem tem se posicionado contra o projeto de lei, como a TV Globo. "Absolutamente surreal, incrível, a defesa de abusadores de poder por parte de autoridades e parlamentares. Demência ou oportunismo?", questionou.

Conheça a TV 247

Mais de Sul

Ao vivo na TV 247 Youtube 247