Osmar Dias pode disputar o governo do PR, diz Vargas

Segundo o vice-presidente da Câmara, deputado André Vargas, a candidatura de Osmar Dias, do PDT, se tornará viável caso a ministra da Casa Civil Gleisi Hoffmann não entre na disputa; pelo sim pelo não, oficialmente, o PT segue sem candidato à sucessão de Beto Richa

Segundo o vice-presidente da Câmara, deputado André Vargas, a candidatura de Osmar Dias, do PDT, se tornará viável caso a ministra da Casa Civil Gleisi Hoffmann não entre na disputa; pelo sim pelo não, oficialmente, o PT segue sem candidato à sucessão de Beto Richa
Segundo o vice-presidente da Câmara, deputado André Vargas, a candidatura de Osmar Dias, do PDT, se tornará viável caso a ministra da Casa Civil Gleisi Hoffmann não entre na disputa; pelo sim pelo não, oficialmente, o PT segue sem candidato à sucessão de Beto Richa (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Blog do Esmael - Este blogueiro conversou na manhã desta quinta (15) com o vice-presidente da Câmara, deputado André Vargas, um dos generais cinco estrelas do PT nacional. O petista crê piamente na candidatura da correligionária Gleisi Hoffmann, ministra da Casa Civil, na corrida pelo governo do Paraná. Entretanto, faz questão de frisar Vargas, se a companheira "amarelar" Osmar Dias, do PDT, aceita o desafio de disputar novamente com Beto Richa (PSDB).

O vice-presidente da Câmara também reafirma sua disposição de disputar a única vaga ao Senado com Álvaro Dias (PDT). Ele próprio descarta possibilidade de tentar o Palácio Iguaçu pelo PT.

"Sou candidato a senador. Agora, se a Gleisi 'amarelar' o Osmar disputa o governo", assegurou André Vargas.

Na terça (13), em nota oficial, Gleisi desmentiu que vá deixar a pasta em dezembro para dedicar-se à disputa pelo governo do Paraná. A ministra-chefe da Casa Civil deu ainda uma sapecada em André Vargas ao afirmar que "a manifestação sobre minha candidatura ao governo do estado do Paraná expressa mais a sua vontade [do deputado]".

Pelo sim pelo não, oficialmente, o PT segue sem candidato à sucessão de Richa. Diante do vácuo, o senador Roberto Requião (PMDB) e o pedetista Osmar se animam — por consequência, o tucano Álvaro também fica feliz, pois não precisará bater chapa com o mano pelo Senado.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email