PSDB cobra MDB por apoio a Leite no Rio Grande do Sul, mas caciques estaduais resistem

Dirigentes do MDB gaúcho querem ter candidato próprio ao governo do Rio Grande do Sul, o que pode prejudicar aliança com tucanos na candidatura de Simone Tebet

www.brasil247.com - Simone Tebet e Eduardo Leite
Simone Tebet e Eduardo Leite (Foto: Divulgação)


247 - O diretório estadual do PSDB do Rio Grande do Sul enviou, nesta quinta-feira, 23, uma carta cobrando apoio do MDB do estado para apoiar a chapa do ex-governador Eduardo Leite (PSDB) para o governo estadual. Os dois partidos estão aliados em torno da candidatura da senadora Simone Tebet (MDB), da chamada “terceira via”, para a presidência da República.

No Rio Grande do Sul, o MDB estadual tem resistido às pressões da direção nacional para abrir mão da pré-candidatura do deputado Gabriel Souza ao governo gaúcho, apesar dos apelos do presidente nacional do partido, Baleia Rossi.

Em entrevista ao jornal O Globo, Leite afirmou que a falta de contrapartida na eleição gaúcha pode ameaçar o apoio do PSDB a Tebet.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Segundo reportagem do jornal, a direção do MDB estaria ameaçando cortar os recursos da campanha de Souza e “ainda assim, emedebistas dizem que a única chance de desistirem da candidatura seria por meio de uma intervenção nacional”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Nesta quinta, dirigentes do MDB gaúcho se reuniram com Ana Amélia Lemos, que deve ser candidata ao Senado na chapa de Leite; e estavam presentes o ex-ministro Eliseu Padilha, o prefeito de Porto Alegre, Sebastião Melo, o ex-prefeito José Fogaça, além do próprio Gabriel Souza.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“O movimento foi lido como uma forma de enfraquecer o palanque de Leite, já que foi cogitada a possibilidade de Ana Amélia concorrer ao senado na composição com o MDB. Fontes ligadas a direção nacional da sigla, no entanto, minimizam a articulação e dizem que confiam na aliança e sugerem que as lideranças locais vão ceder nas próximas semanas”, informa O Globo.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email