Receosos, grupos arrecadam R$ 30 mil para outdoors de apoio à Lava Jato

Uma vaquinha virtual feita entre os movimentos Vem pra Rua, Lava Togas e Brasil Estou Aqui conseguiu cerca de R$ 30 mil para produzir campanha em apoio à Lava Jato com foto de Sérgio Moro e Deltan Dallagnol, alvos principais da Vaza Jato; foram instalados cerca de 30 outdoors em Curitiba com imagens deles dois

(Foto: Reprodução)

247 - Uma vaquinha virtual feita entre os movimentos Vem pra Rua, Lava Togas e Brasil Estou Aqui conseguiu cerca de R$ 30 mil para produzir campanha em apoio à Lava Jato com foto de Sérgio Moro e Deltan Dallagnol, alvos principais dos vazamentos de diálogos entre membros da operação, conforme vêm apontando reportagens do Intercept Brasil. Moro extrapolou suas funções chegando, por exemplo, a recomendar acréscimo de informações na produção de provas e interferir em negociação de delações premiadas.

De acordo com reportagem de Vinicius Konchinski, do UOL, foram instalados cerca de 30 outdoors em Curitiba com imagens de Moro e Dallagnol e as frases “Lava Jato: eu acredito” e “Lava Jato: eu confio”, além da hashtag #somostodoslavajato. A maioria das doações, feitas online, veio com contribuições de R$50 e R$100, o que facilitou na arrecadação. 

“Foram vários doadores e temos muitas empresas parceiras também, que reduzem seus preços para colaborar”, disse Gislaine Masoller, coordenadora do movimento Vem Para Rua no Paraná.

Moro e Dallagnol também tentaram interferir em outro país. O ex-juiz mandou o procurador vazar dados sobre pagamentos da Odebrecht na Venezuela para desestabilizar o regime de Nicolás Maduro.

O Ministério da Justiça, chefiado por Moro, informou que o titular da pasta Moro está de férias e não falaria sobre o assunto. O MPF informou que Dallagnol não teve participação na campanha de apoio à Lava Jato. "Desde o início da Lava Jato, houve, por parte da sociedade, tanto manifestações de apoio como contrárias à operação. Não cabe ao Ministério Público Federal interferir nessas iniciativas da sociedade civil", disse.


Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247