Requião ironiza: Temer fez “carta de amor” a Dilma

Senador do PMDB disse que o vice-presidente fez um "desabafo" na carta que escreveu à presidente Dilma Rousseff e que seu conteúdo "não deveria ter vazado, mas vazou"; "É uma carta pessoal", comentou, citando frase do poeta Fernando Pessoa: "Toda carta de amor é ridícula. Essa é uma carta de amor a Dilma"

Senador do PMDB disse que o vice-presidente fez um "desabafo" na carta que escreveu à presidente Dilma Rousseff e que seu conteúdo "não deveria ter vazado, mas vazou"; "É uma carta pessoal", comentou, citando frase do poeta Fernando Pessoa: "Toda carta de amor é ridícula. Essa é uma carta de amor a Dilma"
Senador do PMDB disse que o vice-presidente fez um "desabafo" na carta que escreveu à presidente Dilma Rousseff e que seu conteúdo "não deveria ter vazado, mas vazou"; "É uma carta pessoal", comentou, citando frase do poeta Fernando Pessoa: "Toda carta de amor é ridícula. Essa é uma carta de amor a Dilma" (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Gisele Federicce, 247 – A carta escrita pelo vice-presidente Michel Temer e divulgada na noite desta segunda-feira 7 na imprensa foi uma "carta de amor" à presidente Dilma Rousseff, comentou o senador Roberto Requião (PMDB-PR), em declaração ao 247.

A princípio, o parlamentar não quis comentar o conteúdo da carta, em que Temer reclama de falta de protagonismo durante os cinco anos do governo Dilma. "É uma carta pessoal, eu não comento cartas privadas", disse Requião.

O parlamentar acredita na versão de que a carta "vazou" para a imprensa. "Eu não acho, ela vazou". Para o correligionário, "é um desabafo do Temer, ele é humano também. Não teve nada de extraordinário".

Por fim, o senador citou o poeta português Fernando Pessoa. "Conhece aquela frase do Fernando Pessoa? 'Toda carta de amor é ridícula. Mas afinal, mais ridículo é quem nunca escreveu uma carta de amor'. Então, é uma carta de amor a Dilma".

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email