Senador Álvaro Dias cogita trocar PSDB pelo PV

O parlamentar do PSDB paranaense afirmou que pretende buscar mais representatividade e sinalizou a sua desfiliação do partido; "Estamos discutindo com o PV a hipótese", disse ele, em coletiva de imprensa; “Estou buscando espaço para ser mais útil, uma ferramenta política onde possa atuar com maior visibilidade”, acrescentou

O parlamentar do PSDB paranaense afirmou que pretende buscar mais representatividade e sinalizou a sua desfiliação do partido; "Estamos discutindo com o PV a hipótese", disse ele, em coletiva de imprensa; “Estou buscando espaço para ser mais útil, uma ferramenta política onde possa atuar com maior visibilidade”, acrescentou
O parlamentar do PSDB paranaense afirmou que pretende buscar mais representatividade e sinalizou a sua desfiliação do partido; "Estamos discutindo com o PV a hipótese", disse ele, em coletiva de imprensa; “Estou buscando espaço para ser mais útil, uma ferramenta política onde possa atuar com maior visibilidade”, acrescentou (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Paraná 247 - O senador Álvaro Dias (PSDB) disse que pretende buscar mais representatividade e sinalizou sua saída do PSDB. "Estamos discutindo com o PV a hipótese) afirmou ele, em coletiva de imprensa. “Estou buscando espaço para ser mais útil, uma ferramenta política onde possa atuar com maior visibilidade”, acrescentou.

De acordo com o parlamentar, a mudança de legenda ainda está em processo de amadurecimento.

Com a aprovação da janela de mudança partidária, o parlamentar terá um curto período de tempo para definir se permanece, ou não, no PSDB. O tucano informou que não tem interesse em disputar o governo estadual, uma vez que já ocupou o cargo no passado. “Pretendo atuar em outro espaço político”, disse.

O plenário do Senado aprovou, nesta quarta-feira (9),  um artigo da proposta de emenda à Constituição (PEC) que cria uma janela para que detentores de mandatos eletivos migrem de partido sem serem condenados por infidelidade partidária e, como consequência, sem o risco de perda do mandato.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email