UFPR faz agravo contra novas posições de Fachin

A iniciativa partiu do também advogado Darci Frigo, atual vice presidente do Conselho Nacional dos Direitos Humanos, que apelou: Volta Fachin, volta. Volta, porque as suas decisões estão causando muito sofrimento ao povo brasileiro. Nós precisamos que você volte; que você volte às suas posições históricas"

Brasília - O ministro Luiz Edson Fachin durante sessão plenária extraordinária no STF. Esta é a última sessão antes das férias forenses dos ministros (José Cruz/Agência Brasil)
Brasília - O ministro Luiz Edson Fachin durante sessão plenária extraordinária no STF. Esta é a última sessão antes das férias forenses dos ministros (José Cruz/Agência Brasil) (Foto: Leonardo Attuch)

Por Marcelo Auler, em seu blog – Na mesma Universidade Federal do Paraná (UFPR), em Curitiba, onde o relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal, ministro Luiz Edson Fachin, deu aulas e se destacou, surgiu o agravo às suas posições na corte, que destoam do passado que teve entre movimentos sociais paranaenses. Aconteceu na quarta-feira (18/04), no Circo da Democracia, evento inserido na comemoração dos 30 anos da Constituição de 1988, do qual participaram o teólogo Leonardo Boff, o arquiteto argentino e Prêmio Nobel da Paz, Adolfo Peréz Esquivel, o reitor da Universidade, Ricardo Marcelo Fonseca. A iniciativa partiu do também advogado Darci Frigo, atual vice presidente do Conselho Nacional dos Direitos Humanos, que apelou: Volta Fachin, volta. Volta, porque as suas decisões estão causando muito sofrimento ao povo brasileiro. Nós precisamos que você volte; que você volte às suas posições históricas".

Leia detalhes em: http://marceloauler.com.br/volta-fachin-sera-ele-o-amigo-que-morreu/

Conheça a TV 247

Mais de Sul

Ao vivo na TV 247 Youtube 247