(Vídeo) Empresário amigo de Moro leva “morte” e crava cruzes em frente a hospital em ato por empresas mortas

O presidente da Associação Brasileira de Bares e Casas Noturnas (Abrapar), Fabio Agayo, amigo de Sérgio Moro, liderou uma manifestação em que as cruzes representavam empresas supostamente mortas com o isolamento social

(Foto: (Reprodução))
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O presidente da Associação Brasileira de Bares e Casas Noturnas (Abrapar), Fabio Agayo, amigo do ex-ministro Sérgio Moro, liderou uma manifestação de empresários que cravou cruzes e levou uma pessoa travestida de morte em frente ao Hospital Evangélico Mackenzie, em Curitiba, no Paraná.

Na tentativa de pedir a reabertura do comércio na capital paranaense, as cruzes representavam empresas que estariam morrendo com o isolamento social. 

"Nós estamos aqui em frente ao Hospital Evangélico Mackenzie para pedir socorro, em frente ao Pronto Socorro porque nosso setor precisa de socorro do poder público. Essas são as empresas que estão se acabando, ali estão as empresas que já se acabaram", diz Agayo, mostrando as cruzes.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email