Professores e pesquisadores de saúde endossam pedido de impeachment de Bolsonaro

Vários profissionais assinaram o documento, de autoria do ex-ministro José Gomes Temporão e do fundador da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) Gonzalo Vecina Neto

Gonzalo Vecina Neto
Gonzalo Vecina Neto (Foto: Reprodução/Youtube)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – "Professores e pesquisadores da área da saúde endossaram o pedido de impeachment protocolado em fevereiro deste ano contra o presidente Jair Bolsonaro, acusando-o da prática de crimes de responsabilidade durante o enfrentamento da epidemia de Covid-19 no Brasil", informa a jornalista Mônica Bergamo, em sua coluna.

"O ex-secretário de Saúde de SP José da Silva Guedes, o professor da USP Paulo Lotufo, a médica sanitarista Ana Maria Malik e pesquisadores da Fiocruz assinaram o documento, de autoria do ex-ministro José Gomes Temporão e do fundador da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) Gonzalo Vecina Neto", aponta a jornalista.

Inscreva-se no canal de cortes da TV 247 e saiba mais:


O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email