Brasil 247: o seu jornal digital 24 horas por dia, 7 dias por semana.

1.09.2015

Fotos Públicas

Lula se vê vítima da concentração da mídia

:

"Quando você vê uma notícia em vários lugares, tem certeza de que não são todos o mesmo?", questiona o ex-presidente Lula, em sua página no Facebook; nota se refere ao modo como a denúncia de Época, sobre a construção do Porto de Mariel, em Cuba, foi repercutida em outros programas e veículos da Globo, como Jornal Nacional, jornal O Globo, CBN etc; nos Estados Unidos, no entanto, é proibida a propriedade cruzada de meios de comunicação, justamente para impedir o pensamento único e o monopólio da informação; agora, um professor da Universidade de Brasília, Venício Lima, pretende usar o ranking da Forbes para propor novamente a democratização da mídia; na lista, a família Marinho, das Organizações Globo, aparece com patrimônio de R$ 23,8 bilhões, seguida, de longe, diga-se, por Edir Macedo (Record), com R$ 3,02 bilhões; família Civita (Grupo Abril), com R$ 2,18 bilhões; e Silvio Santos (SBT), com R$ 2,01 bilhões; “Não seriam esses dados indicadores do poder desmesurado que os grupos de mídia desfrutam no país?”, questiona Venício

FHC: pedido de renúncia foi mal interpretado

:

Após defender publicamente a renúncia da presidente Dilma Rousseff como um "gesto de grandeza", o ex-presidente tucano FHC recua em reunião com uma comitiva do PSOL nesta segunda-feira (31); ele disse que a sua declaração foi mal interpretada e que o sentido da manifestação foi: "Ou renuncia ou governa"; "Se a própria Presidente não for capaz do gesto de grandeza (renúncia ou a voz franca de que errou, e sabe apontar os caminhos da recuperação nacional), assistiremos à desarticulação crescente do governo e do Congresso, a golpes de Lavajato. Até que algum líder com forca moral diga, como o fez Ulysses Guimarães, com a Constituição na mão, ao Collor: você pensa que é presidente, mas já não é mais", postou ele há duas semanas no Facebook

Vídeos 247 Canal Youtube do Brasil 247