Brasil 247: o seu jornal digital 24 horas por dia, 7 dias por semana.

29.04.2016

Fotos Públicas

Paraná 247

Aprovado novo salário mínimo regional do Paraná

:

A Assembleia Legislativa aprovou o projeto de lei encaminhado pelo governo estadual que fixa, a partir de 1º de maio, os valores do piso salarial do Estado do Paraná e sua política de valorização; o piso variará de R$ 1.148,40 a R$ 1.326,60; o maior piso é para o grupo de técnicos do nível médio (R$ 1.326,60), seguido pelos trabalhadores da produção de bens e serviços industriais, com piso de R$ 1.234,20, pelos trabalhadores de serviços, vendedores do comércio em lojas e mercados e trabalhadores de reparação e manutenção, que devem ter remuneração mínima de R$ 1.190,20 e o piso de R$ 1.148,40 aos trabalhadores agropecuários, florestais e da pesca

Cascavel enfrenta problemas por falta de merenda

:

O problema da falta de merenda nas escolas estaduais está se agravando e o governador Beto Richa (PSDB) põe a culpa na crise; só que o governo continua criando mais cargos e contratando servidores comissionados com altos salários para abrigar e sustentar os aliados; desta a vez, a falta de merenda foi registrada em Cascavel; no Colégio Padre Pedro Canísio Henz só há arroz e feijão para servir aos 1,4 mil estudantes; não há recursos para carne, verduras ou legumes; segundo a direção do Colégio, a dispensa está no limite e não existe previsão de quando chegará outra remessa

Moro: Lava Jato não é seriado, não tem que ter capítulo toda semana

Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil:

O juiz federal Sergio Moro, que participou na noite desta terça (26) do jantar de gala em Nova York, promovido todos os anos pela revista americana "Time" para homenagear as 100 pessoas mais influentes do mundo, de acordo com a publicação, afirmou que a "Operação Lava Jato não é seriado de TV, que tem que ter capítulo toda semana", ao ser questionado sobre se as investigações estavam paralisadas nas últimas semanas

MP instaura inquérito contra procurador por suposta blindagem a Richa

:

Promotoria de Defesa do Patrimônio Público de Londrina ajuizou uma ação contra o procurador-geral do Estado, Paulo Sérgio Rosso, por suposto ato de improbidade administrativa, "consubstanciado em possível conflito de interesses"; segundo o inquérito, a PGR quis blindar o governador Beto Richa (PSDB) ao anular um acordo de colaboração premiada entre o Ministério Público (MP) e o auditor Luiz Antonio de Souza, principal delator da Operação Publicano, que investiga a cobrança de propina na Receita Estadual de Londrina e de sonegação fiscal; segundo o auditor, R$ 4,3 milhões abasteceram a campanha de Richa, em 2014

Lava Jato: Gim Argello quer fazer delação premiada

:

O ex-senador Gim Argello (PTB-DF) decidiu tentar um acordo de delação premiada com o Ministério Púbico Federal para tentar reduzir ou até se livrar de uma punição em eventual condenação pelos crimes dos quais é acusado pela força-tarefa da Lava Jato; o ex-parlamentar é suspeito de receber R$ 5,35 milhões de propina de empreiteiros; em troca de dinheiro ilícito, ele teria poupado empresários de depor na CPI da Petrobras

Caem acidentes nas estradas federais do PR

:

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou um balanço apontado que 11 pessoas morreram e 153 ficaram feridas em 140 acidentes registrados durante o feriado de Tiradentes nas estradas federais que cortam o Paraná; houve uma morte a mais em relação ao feriado do ano passado e uma redução no número de acidentes de 27%; a operação de fiscalização começou na tarde de quarta-feira (20) e terminou no domingo (24)

Professores: deputados do camburão terão “surpresa”

:

No próximo dia 29 de abril, sexta-feira, completará um ano o massacre de professores no Centro Cívico de Curitiba a mando do governador Beto Richa (PSDB), que deixou mais de 200 feridos e ganhou repercussão nacional; dentre várias programações, educadores prometem “surpresa” para os deputados do camburão; eles não anteciparam que tipo de “homenagem” farão aos “representantes do povo”; para quem não se recorda do vexame, antes do covarde ataque aos profissionais do magistério, os parlamentares se deixaram transportar num camburão da polícia até a Assembleia Legislativa

Governo Richa discute estratégia para se precaver no dia 29 de abril

:

O governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), reuniu secretamente membros de sua equipe para discutir o dia 29 de abril, quando se completa um ano do massacre de professores no Centro Cívico, que deixou mais de 200 feridos e teve repercussão nacional; integrantes do executivo consideram que a próxima sexta-feira, dia 29, poderá representar o fim do governo Beto Richa, caso o sindicato leve uma massa considerável às ruas da capital

Lava Jato faz primeira crítica a Temer

:

Investigadores da Lava Jato afirmam que a possível nomeação do criminalista Antonio Claudio Mariz de Oliveira no Ministério da Justiça de Michel Temer é sinal de "descompromisso" do PMDB contra a corrupção; "O dr. Mariz é um advogado competente, mas ele tem posições complicadas. Se ele vier a ser nomeado, isso sinalizaria claramente que o eventual novo governo não tem compromisso com a luta anticorrupção", disse o procurador Carlos Fernando dos Santos Lima, um dos coordenadores da Lava Jato, em Curitiba

MINAS 247

Aécio, o falso esperto, foi derrotado pelos espertos de fato: Temer e Cunha

:

"Um falso esperto é facilmente desbancado por um esperto de verdade. Foi onde Aécio se deu mal ao aproximar seu rancor de derrotado de Eduardo Cunha e Michel Temer. Ao associar sua birrenta e irresponsável estratégia de terceiro turno com os próceres do PMDB, que lhe pareceram no momento o melhor caminho, o ex-governador de Minas, como péssimo mineiro, entregou a faca e o queijo", diz o jornalista João Paulo Cunha, no Brasil de Fato; "Depois de tanta histeria e ranger de dentes, Aécio ficou com a broxa na mão"

BRASÍLIA 247

Vanessa: Janaina Paschoal envergonha golpistas

:

A senadora Vanessa Grazziotin (PC do B/AM) criticou o discurso da autora do pedido de impeachment Janaina Paschoal na comissão especial no Senado, nesta quinta (28); "A defesa oral da autora da denúncia Janaína Paschoal é constrangedora até para quem defende o impeachment. Nenhum argumento, nenhum fato. Faltou muito pouco para que a depoente repetisse no Senado o espetáculo protagonizado na USP há alguns dias", disse

Revista Brasil 247

Edição #88

Revista do dia

Revista Saúde 247 - Edição #19

Vídeos 247 Canal Youtube do Brasil 247