Brasil 247: o seu jornal digital 24 horas por dia, 7 dias por semana.

30.04.2016

Fotos Públicas


Para Globo, pedir diretas é um golpe comparável ao dos militares

Antonio Cruz/ Agência Brasil: <p>Brasília- DF- Brasil- 14/03/2015- O Presidente da câmara dos deputados, deputado Eduardo Cunha Preside a Sessão Solene em Homenagem aos 50 anos da Rede Globo, ao seu lado, João Roberto Marinho (Antonio Cruz/Agência Brasil)</p>

Depois de apoiar um impeachment sem base legal liderado por Eduardo Cunha (PMDB-RJ), ou seja, um golpe, a Globo agora define, em editorial, a proposta de eleições diretas já como também uma manobra golpista; mais do que isso, diz que se trata de um casuísmo comparável ao que levou os militares ao poder, com apoio da Globo; "Marina Silva diz que reconhece haver base legal no impeachment de Dilma e na consequente posse do vice — 'mas não resolve o problema'. O perigo mora nesta frase. Foi por pensar o mesmo da permanência de Jango no Planalto que o general Olímpio Mourão, em março de 64, desceu com tropas de Juiz de Fora para o Rio, e as trevas se abateram sobre o Brasil durante 21 anos", diz editorial de João Roberto Marinho

O Senado e a dimensão burlesca do golpe

Fabio Rodrigues Pozzebom/Agênci: <p>Brasília - Janaína Paschoal, um dos autores do pedido de afastamento da presidenta Dilma Rousseff, na Comissão Especial do Impeachment no Senado (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)</p>

"Apesar da pantomima espalhafatosa, Janaína Paschoal não é um ponto fora da curva. Ela é a imagem fiel do golpe, é o símbolo lapidar dos golpistas; ela é, enfim, a perfeita síntese dos 367 bandidos que na 'assembléia geral de bandidos comandados por um bandido chamado Eduardo Cunha' do 17 de abril expuseram o Brasil ao ridículo perante o mundo", diz o colunista Jeferson Miola; "está por ser inventada uma republiqueta na face da Terra capaz de aceitar como válida para a deposição de uma Presidente eleita por 54.501.118 votos uma denúncia tão desqualificada apresentada daquela maneira tresloucada"


Vídeos 247 Canal Youtube do Brasil 247