“A Lava Jato foi montada para ser parcial, sob inspiração americana”, diz José Roberto Batochio

Em entrevista à TV 247, o criminalista denunciou a parcialidade do ex-juiz Sergio Moro, relatando sua experiência como advogado do ex-presidente Lula. Batochio revelou que Moro instruía delatores a não responderem questões da defesa, prejudicando este direito básico. Assista

(Foto: ABr | OAB/SP)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O advogado criminalista José Roberto Batochio, em entrevista à TV 247, denunciou a parcialidade do ex-juiz Sergio Moro na condução do processo do ex-presidente Lula e a colaboração entre delatores, autoridades americanas e a Lava Jato.

“Sempre houve parcialidade”, iniciou Batochio. “A Operação Lava Jato foi montada para ser parcial, sob inspiração americana, com propósitos deliberados, objetivos políticos e institucionais prévia e adredemente concebidos”, disse.

O advogado relatou uma instância onde o direito de defesa foi suprimido pelo ex-juiz. “Quando participei da defesa do ex-presidente Lula, em uma das audiências perguntei sobre os acordos dos delatores com o Departamento de Justiça americano. Moro não permitia essas perguntas, instruindo os delatores a não responderem. Mas mesmo assim conseguimos fazer com que eles admitissem que tiveram contato com agentes americanos”, contou.

O advogado ainda notou a postura desafiadora de Moro: “Quando Moro quis nos impedir, eu levantei que ele estava suprimindo a defesa, mas ele dizia com postura que eu não tinha mais a palavra. Ou seja, este foi um processo sem direito de defesa”.

Inscreva-se na TV 247, seja membro e compartilhe:

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email