O Ministério da Educação lançou o programa Future-se para aumentar a participação de verbas privadas no orçamento universitário; o ministro Abraham Weintraub já havia anunciado bloqueio de verba, o que abre espaço para a ingerência da iniciativa privada, assim como a medida lançada nesta quarta-feira (17)

Ao vivo na TV 247 Youtube 247

Últimos envios

Revista Brasil 247