Acuado, Olavo de Carvalho pede intervenção das Forças Armadas para recuperar sua conta do PayPal

"Enquanto a alta oficialidade das Forças Armadas não confessar que a conversa de haver libertado o Brasil do comunismo em 1964 foi uma farsa grotesca, não acreditarei que os militares têm alguma intenção de nos livrar do comunismo agora", disse o escritor Olavo de Carvalho, após ter sua conta no PayPal bloqueada por propagação de fake news

Olavo de Carvalho
Olavo de Carvalho (Foto: JOSHUA ROBERTS/REUTERS)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Após ter sua conta no PayPal bloqueada por conta da propagação de fake news, o escritor Olavo de Carvalho resolveu ir ao Twitter pedir às Forças Armadas que intervenham contra os "comunistas".

"Para combater o comunismo, é preciso anticomunismo, não isentismo", disse. "Enquanto a alta oficialidade das Forças Armadas não confessar que a conversa de haver libertado o Brasil do comunismo em 1964 foi uma farsa grotesca, não acreditarei que os militares têm alguma intenção de nos livrar do comunismo agora", acrescentou. 

De acordo com o guru de Jair Bolsonaro, "desde há décadas os comunistas têm toda uma organização encarregada de doutrinar e manipular militares. A sede dessa merda é na Unicamp". "Os direitistas, ao contrário, desde os anos 60 fugiram de todo trabalho voltado aos militares". 

 

 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247