Alckmin atribui sua derrota em 2018 à facada em Bolsonaro: se vitimizou até o fim

O ex-governador paulista Geraldo Alckmin (PSDB) considera que a facada sofrida por Jair Bolsonaro (PSL) durante a campanha eleitoral de 2018 como fator central para sua derrota, a pior já sofrida por um tucano em disputa pela Presidência; "Eu estava subindo e ele, caindo. Só no dia da facada, ele teve 22 minutos de Jornal Nacional", disse ele

Alckmin atribui sua derrota em 2018 à facada em Bolsonaro: se vitimizou até o fim
Alckmin atribui sua derrota em 2018 à facada em Bolsonaro: se vitimizou até o fim (Foto: Marcos Corrêa/PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ex-governador paulista Geraldo Alckmin (PSDB) considera que a facada sofrida por Jair Bolsonaro (PSL) durante a campanha eleitoral de 2018 como fator central para sua derrota, a pior já sofrida por um tucano em disputa pela Presidência. A informação é do jornal Folha de S.Paulo. 

"A campanha começou com o PT se vitimizando e acabou com ele [Bolsonaro] se vitimizando até o fim", afirmou o tucano. "Eu estava subindo e ele, caindo. Só no dia da facada, ele teve 22 minutos de Jornal Nacional", disse. "[A facada] foi o fato superveniente da eleição", acrescentou.

A rara manifestação pública do ex-governador foi dada ao responder uma questão em debate promovido pelo Pensamento Nacional das Bases Empresariais na  Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado, em São Paulo. "[A facada] foi o fato superveniente da eleição", disse ao ser questionado qual havia sido o "maior empecilho" na disputa.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247