Alcolumbre quer sabatina e votação de indicação de Kassio ao STF no dia dia 21

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre, vai se reunir com líderes dos partidos na Casa nesta terça-feira (6) para comunicar o processo

Davi Alcolumbre e Kassio Nunes
Davi Alcolumbre e Kassio Nunes (Foto: Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Após encontros com ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e Jair Bolsonaro, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP) definiu o dia 21 de outubro como a data da sabatina na (CCJ) Comissão de Constituição e Justiça e da votação em plenário da indicação do desembargador Kássio Nunes. A informação é da CNN que apurou que Alcolumbre vai se reunir com líderes nesta terça-feira (6) para comunicar o processo. 

De acordo com a jornalista Thais Arbex, o cronograma pensado por Alcolumbre, a sabatina na comissão será pela manhã e, na parte da tarde, o plenário da Casa se reúne para votar a indicação de Nunes.

O presidente do Senado está empenhando em articular e garantir um quorum de no mínimo 65 senadores para o dia da apreciação do nome do desembargador.  

Para ser aprovado para integrar o STF, o indicado tem que obter votos favoráveis de ao menos 41 dos 81 senadores — sendo que o presidente da sessão não vota, a não ser em raríssimos casos de empate.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247