Até amigo de Temer pula fora do barco

"Estão especulando sobre meu nome, não sei bem para qual cargo, mas não vou aceitar participar do governo federal. Continuo apoiando meu amigo Temer como sempre, do meu escritório", disse o advogado criminalista Claudio Mariz de Oliveira, ao ser indagado se iria substituir Alexandre de Moraes na Justiça; no início da semana, Mariz já havia afirmado que sua eventual ida para a pasta da Justiça, substituindo Alexandre de Moraes, indicado para o Supremo Tribunal Federal, poderia causar alguns "dissabores" para o governo

"Estão especulando sobre meu nome, não sei bem para qual cargo, mas não vou aceitar participar do governo federal. Continuo apoiando meu amigo Temer como sempre, do meu escritório", disse o advogado criminalista Claudio Mariz de Oliveira, ao ser indagado se iria substituir Alexandre de Moraes na Justiça; no início da semana, Mariz já havia afirmado que sua eventual ida para a pasta da Justiça, substituindo Alexandre de Moraes, indicado para o Supremo Tribunal Federal, poderia causar alguns "dissabores" para o governo
"Estão especulando sobre meu nome, não sei bem para qual cargo, mas não vou aceitar participar do governo federal. Continuo apoiando meu amigo Temer como sempre, do meu escritório", disse o advogado criminalista Claudio Mariz de Oliveira, ao ser indagado se iria substituir Alexandre de Moraes na Justiça; no início da semana, Mariz já havia afirmado que sua eventual ida para a pasta da Justiça, substituindo Alexandre de Moraes, indicado para o Supremo Tribunal Federal, poderia causar alguns "dissabores" para o governo (Foto: Aquiles Lins)

247 - Horas antes da recusa do ex-ministro do STF Carlos Velloso para o cargo de ministro da Justiça alegando "questões éticas" (leia aqui), outro cotado para cargo já deixava claro que não participaria do governo de Michel Temer. 

Trata-se do advogado criminalista Claudio Mariz de Oliveira. "Estão especulando sobre meu nome, não sei bem para qual cargo, mas não vou aceitar participar do governo federal. Continuo apoiando meu amigo Temer como sempre, do meu escritório", disse Mariz à colunista Sônia Racy, do Estadão. 

No início da semana, Claudio Mariz já havia afirmado que sua eventual ida para a pasta da Justiça, substituindo Alexandre de Moraes, indicado para o Supremo Tribunal Federal, poderia causar alguns "dissabores" para o governo (leia aqui).

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247