Ayres Britto diz que pedido de impeachment contra Alexandre de Moraes tem falhas processuais e não irá adiante

A denúncia não será recebida por falta de legitimidade processual de Bolsonaro, diz o ex-presidente do STF

www.brasil247.com - Ayres Britto
Ayres Britto


247 - O ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Carlos Ayres Britto disse que o pedido de impeachment apresentado por Jair Bolsonaro nesta sexta-feira (20) contra o ministro Alexandre de Moraes não terá encaminhamento no Senado por questões processuais.

"A denúncia não será recebida por falta de legitimidade processual do presidente, que não tem, entre suas atribuições sejam constitucionais, sejam legais, essa possibilidade de denunciar ministro do Supremo por crime de responsabilidade", declarou Ayres Britto  ao Globo.

De acordo com o ex-presidente do Supremo, esse tipo de denúncia nem faz parte das atribuições que o artigo 84 da Constituição insere nas atribuições do presidente da República. 

Na avaliação de Ayres Britto, também não há a chance de o pedido feito por Bolsonaro ser deferido quanto ao mérito dos crimes de responsabilidade supostamente cometidos por Moraes.

Inscreva-se no canal de cortes da TV 247 e saiba mais:

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email