Bolsonaro abandona entrevista no Pânico da Jovem Pan após baixaria entre apresentadores (vídeo)

A discussão foi entre Adrilles Jorge, apoiador de Bolsonaro, e André Marinho, crítico. Antes, Marinho perguntou a Bolsonaro sobre o esquema de “rachadinhas”, e ele afirmou que não responderia a provocações

www.brasil247.com -
(Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - Jair Bolsonaro participava dos programas Jornal da Manhã e Pânico, na estreia do Jovem Pan News, canal de notícias do grupo Jovem Pan, nesta quarta-feira (27), mas em meio a uma discussão entre comentaristas dos programas ele deixou a entrevista.

A discussão foi entre Adrilles Jorge, apoiador de Bolsonaro, e André Marinho, crítico do presidente. “O PT não pode voltar. Então, por favor, responda à pergunta que te fiz, cara. Por quê? Só quer pergunta de bajulador?”, disse Marinho a Bolsonaro.

Adrilles rebateu afirmando que Marinho estava se referindo a ele como bajulador e começou a gritar com o colega. Bolsonaro, então, deixou o local onde dava a entrevista.

PUBLICIDADE

Antes, Marinho perguntou a Bolsonaro sobre o esquema de “rachadinhas”. Bolsonaro afirmou que não responderia a provocações.

“Ô, Marinho, você sabe que eu sou presidente da República, eu respondo sobre os meus atos, tá ok? Não vou aceitar provocação sua. Não vou aceitar. Não vou aceitar. O teu pai [Paulo Marinho] é o maior interessado na cadeira do Flávio Bolsonaro. O teu pai quer a cadeira do Flávio Bolsonaro. Eu decidi com o Flávio indicar teu pai. Não tem mais conversa contigo”, disse Bolsonaro.

André Marinho é filho do político e empresário Paulo Marinho –suplente do senador Flávio Bolsonaro (Patriota-RJ) e desafeto político de Jair Bolsonaro. Em 2018, seu pai foi grande entusiasta da candidatura de Bolsonaro e um dos principais financiadores de sua campanha. Agora, ambos são críticos de Bolsonaro 

PUBLICIDADE

 

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email