Bolsonaro implode PSL e impõe o "salve-se quem puder”, diz parlamentar

"Depois do presidente da República anunciar que o PSL é um partido de laranjas, é um partido que passa por dificuldades perante a sociedade, o partido entrou num momento aqui de cada um salve-se quem puder", declarou o deputado José Nelto (PODE-GO)

(Foto: ADRIANO MACHADO - REUTERS)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A implosão provocada por Jair Bolsonaro contra o seu partido, o PSL, levou a legenda para o "salve-se quem puder". Segundo deputado José Nelto (PODE-GO), parlamentares de Minas Gerais, Rio Grande do Sul e de estados do Norte do país estão tentando mudar de sigla.

"Depois do presidente da República anunciar que o PSL é um partido de laranjas, é um partido que passa por dificuldades perante a sociedade, o partido entrou num momento aqui de cada um salve-se quem puder", declarou Nelto em entrevista ao Congresso em Foco.

"O primeiro nome é da deputada Alê Silva, de MG, já está acertada. Quanto a outros parlamentares, eu estou conversando com parlamentares do Rio Grande do Sul, de Minas Gerais e também parlamentares do Norte do país", acrescentou.

A deputada Alê Silva (PSL-MG) declarou que pretende "esquecer o PSL", e afirmou que está aconselhando outros parlamentares a fazerem o mesmo.

A debandada é geral e os parlamentares da legenda tentam encontrar solução para deixar a sigla e sem perder o mandato. Para isso é necessário que tenha em mãos uma carta do presidente do partido ou receber uma expulsão.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247