Boulos: falta dinheiro pra educação e sobra pra auxílio-moradia de quem tem casa

"Para atender o reajuste do salário dos juízes, Temer quer retirar mais de R$ 1 bilhão em investimentos públicos, chegando ao menor valor dos últimos dez anos. Falta pra educação e saúde e sobra pra auxílio-moradia de quem tem casa", afirmou o presidenciável do Psol

Boulos: falta dinheiro pra educação e sobra pra auxílio-moradia de quem tem casa
Boulos: falta dinheiro pra educação e sobra pra auxílio-moradia de quem tem casa (Foto: Esq.: Lula Marques - AG. PT)

247 - Tendo o corte de privilégios como uma de suas principais bandeiras de campanha, o presidenciável Guilherme Boulos (Psol) criticou a pretensão do governo Michel Temer em cortar mais de R$ 1,1 bilhão de investimentos para conceder o reajuste de 16,38% aos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).

"Para atender o reajuste do salário dos juízes, Temer quer retirar mais de R$1 bilhão em investimentos públicos, chegando ao menor valor dos últimos dez anos. Falta pra educação e saúde e sobra pra auxílio-moradia de quem tem casa", escreveu o candidato no Twitter.

O STF havia aprovado aumento de R$ 33,7 mil para mais de R$ 39 mil. A reportagem do jornal Folha de S. Paulo reitera que as "estimativas de técnicos da Câmara dos Deputados indicam que o Orçamento do próximo ano, que será enviado ao Congresso nesta sexta-feira (31), deverá cortar investimentos para acomodar o pleito de juízes e procuradores.Técnicos do Ministério do Planejamento, do Tesouro Nacional e assessores de Temer discutem os ajustes".

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247