Braskem diz estar para fechar acordo de leniência no Brasil e EUA

Um dia depois de o grupo Odebrecht, que controla da Braskem, firmar acordo de leniência no âmbito da Operação Lava Jato, a petroquímica informou nesta sexta-feira 2 que espera fazer o mesmo com autoridades no Brasil e Estados Unidos; a companhia disse que se encontra em estágio avançado de negociação nos dois países

Um dia depois de o grupo Odebrecht, que controla da Braskem, firmar acordo de leniência no âmbito da Operação Lava Jato, a petroquímica informou nesta sexta-feira 2 que espera fazer o mesmo com autoridades no Brasil e Estados Unidos; a companhia disse que se encontra em estágio avançado de negociação nos dois países
Um dia depois de o grupo Odebrecht, que controla da Braskem, firmar acordo de leniência no âmbito da Operação Lava Jato, a petroquímica informou nesta sexta-feira 2 que espera fazer o mesmo com autoridades no Brasil e Estados Unidos; a companhia disse que se encontra em estágio avançado de negociação nos dois países (Foto: Gisele Federicce)

SÃO PAULO (Reuters) - A Braskem informou nesta sexta-feira que espera celebrar acordo de leniência com autoridades no Brasil e Estados Unidos compreendendo todos os fatos que envolveram a petroquímica no âmbito da operação Lava Jato.

De acordo com o fato relevante, a companhia se encontra em estágio avançado de negociação com as autoridades competentes nos dois países.

Na véspera, o grupo Odebrecht, que controla da Braskem, assinou acordo de leniência com os procuradores da operação Lava Jato e aceitou pagar multa de 6,7 bilhões de reais.

(Por Paula Arend Laier)

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247