DCM: apagão é metáfora perfeita para o STF

Jornalista Kiko Nogueira, do DCM, afirma nesta quarta-feira, 21, a situação em que se encontra o STF; "O apagão é uma metáfora perfeita para o STF, uma piada trágica. Cármen Lúcia é diretamente responsável pela degradação do Supremo e seus barracos semanais nojentos. Faz o jogo da Globo e de movimentos fascistas de maneira absolutamente desavergonhada. Constrange os colegas. Sua missão é entregar a cabeça de Lula. Em nome disso, encampa qualquer tipo de manobra. Se recusa a julgar ações contra prisão após 2ª instância", diz Nogueira

Cármen Lúcia 
Cármen Lúcia  (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O jornalista Kiko Nogueira, do Diário do Centro do Mundo (DCM), afirma nesta quarta-feira, 21, a situação em que se encontra o Supremo Tribunal Federal. 

"O apagão é uma metáfora perfeita para o STF, uma piada trágica. Cármen Lúcia é diretamente responsável pela degradação do Supremo e seus barracos semanais nojentos. Faz o jogo da Globo e de movimentos fascistas de maneira absolutamente desavergonhada. Constrange os colegas. Sua missão é entregar a cabeça de Lula. Em nome disso, encampa qualquer tipo de manobra. Se recusa a julgar ações contra prisão após 2ª instância", diz Nogueira. 

Ele comentou também sobre o novo bate-boca e troca de ofensas entre os ministros Gilmar Mendes e Luis Roberto Barroso. "Ela permite o solo de Barroso por um minuto inteiro, sem interrompê-lo. Depois que o estrago foi feito, suspende a sessão. As confusões que provoca, as hesitações, a mediocridade, as entrevistas ruins, as platitudes — tudo é calculado em Cármen Lúcia. O retrato acabado da nossa miséria. O Brasil não é Marielle Franco. O Brasil é a Carminha", afirma. 

Leia o texto na íntegra

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247