Deputado bolsonarista que destruiu placa de Marielle é expulso de voo por tentar viajar sem máscara

O deputado bolsonarista Daniel Silveira (PSL-RJ), o mesmo que quebrou a placa de Marielle Franco, foi retirado de um voo da Gol, em Guarulhos, por se recusar a usar máscara, o que é obrigatório a todos os passageiros

Daniel Silveira
Daniel Silveira (Foto: Cleia Viana/Câmara dos Deputados | Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O deputado bolsonarista Daniel Silveira (PSL-RJ), o mesmo que quebrou uma placa da vereadora Marilene Franco, causou uma confusão e foi retirado de um voo da Gol em Guarulhos no meio de uma conexão que ia do Rio para Brasília nesta terça-feira (26) por se recusar a usar máscara, o que é obrigatório a todos os passageiros. A reportagem é do portal R7. 

O parlamentar fez referência ao item como "focinheira ideológica". Em maio do ano passado, ele fez uma transmissão ao vivo em uma rede social, após ter sido repreendido em um mercado, na qual disse que o cuidado "idiotiza" as pessoas. 

bolsonarista


Negacionista, Silveira se apresentou para embarque informando ser deputado federal e alegando que teria dispensa médica para não utilização de máscara fácil. Ele foi informado por um funcionário que teria o embarque negado caso não utilizasse a máscara a bordo.

O deputado seguiu adiante pelo finger até a aeronave. Segundo relatório da companhia ao qual a reportagem teve acesso, Silveira teria alegado que o voo só sairia com ele a bordo. A Polícia Federal foi chamada para a retirada do parlamentar.

De acordo com a companhia, o atestado apresentado pelo deputado alegando ter cefaleia crônica não se enquadra para embarque sem máscara.

Somente com a chegada da PF, o bolsonarista deixou a aeronave, atrapalhando a dinâmica do voo.  A companhia remarcou seu embarque para o voo seguinte para Brasília, mediante a utilização de máscara.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email