Doria revê planos para aliança em 2022 após sinalização de apoio do DEM a Bolsonaro

O governador de São Paulo, João Doria, vai rever seus planos de aliança eleitoral com o DEM para 2022, depois que o partido deu sinais claros de que tende a ficar com Bolsonaro

João Doria
João Doria (Foto: GOVSP)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O plano do governador de São Paulo, João Doria (PSDB), de ter o DEM como um dos sócios principais em seu projeto presidencial para 2022 terá que ser alterado depois que o partido traiu um dos seus caciques principais, Rodrigo Maia, e apoiou em massa o candidato bolsonarista à presidência da Câmara, Arthur Lira, que saiu vencedor. 

O entorno político do governador de São Paulo avalia que o cenário é incerto e o DEM só decidirá o seu caminho na disputa pelo Palácio do Planalto quando as chances de vitória dos nomes colocados estiverem mais claras. Parte dos correligionários de Doria reconhece que não pode ser descartada a possibilidade dos democratas apoiarem a reeleição de Jair Bolsonaro, informa O Globo.

O embate entre o ex-presidente da Câmara Rodrigo Maia (RJ) e o ex-prefeito de Salvador ACM Neto, presidente da legenda, também deixou explícita a divisão interna no DEM. Sentindo-se traído, Rodrigo Maia avalia deixar o partido. 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email