Eduardo Bolsonaro diz que Olavo 'segue tendo razão' ao atacar militares

"Eu acho que ele segue tendo razão. Cada um tem seu estilo de falar. Eu tenho o meu, ele tem o dele, mas se deixar o comportamento dele de lado, você vai ver que o Olavo, na minha opinião, continua tendo razão", disse o deputado federal Eduardo Bolsonaro sobre os ataque e ofensas de Olavo de Carvalho aos militares

Eduardo Bolsonaro diz que Olavo 'segue tendo razão' ao atacar militares
Eduardo Bolsonaro diz que Olavo 'segue tendo razão' ao atacar militares

247 - O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente Jair Bolsonaro, saiu em defesa do guru da família, o astrólogo Olavo de Carvalho, autor de ataques aos militares do Palácio do Planalto. Segundo ele, Olavo "ajuda" o governo e apesar das palavras de baixo calão e ofensas, Olavo é tem razão.

"Eu acho que ele segue tendo razão. Cada um tem seu estilo de falar. Eu tenho o meu, ele tem o dele, mas se deixar o comportamento dele de lado, você vai ver que o Olavo, na minha opinião, continua tendo razão", afirmou Eduardo, em entrevista ao jornal O Globo.

Apesar de Olavo apenas atacar com palavrões e ofensas, Eduardo disse que o guru ajuda o governo a levantar o debate de temas relevantes no país.

Enquanto o governo de seu pai corta as verbas da educação, e diz que filosofia e sociologia são áreas que não merecem investimento, Eduardo diz que Olavo de Carvalho é "uma referência filosófica" e que o poder do ideólogo está no "subconsciente e cada um".

"Eu acho que ele ajuda. Eu acredito que alguns assuntos devem ser resolvidos internamente, mas ele não tem essa possibilidade porque está lá fora, mas ele é uma pessoa que ganhou muita notoriedade. E vamos concordar se não fosse ele pautando determinados debates, talvez esses debates nunca ocorressem", disse.

Vale lembrar que Eduardo foi o autor das declarações em um vídeo que viralizou na internet em que ele diz em uma palestra que "para fechar o STF [Supremo Tribunal Federal] basta um cabo e um soldado".

"O pessoal até brinca lá. Se você quiser fechar o STF, sabe o que você faz? Não manda nem um jipe. Manda um soldado e um cabo. Não é desmerecendo o soldado e o cabo, não. O que é o STF, cara? Tipo, tira o poder da caneta de um ministro do STF, o que ele é na rua? Se você prender um ministro do STF, você acha que vai ter uma manifestação popular a favor dos ministros?", disse.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247