Empresa que contratou Moro receberá quase R$ 35 milhões da Odebrecht e da OAS

Empresa de consultoria Alvarez & Marsal (A&M) receberá R$ 34,8 milhões pela administração da recuperação judicial das construtoras Odebrecht e OAS, que quebraram após a Lava Jato. Nesta semana, Sérgio Moro, ex-juiz da operação, tornou-se um dos sócios da A&M

(Foto: Reuters | Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A empresa  de consultoria Alvarez & Marsal (A&M) receberá R$ 34,8 milhões pela administração da recuperação judicial das construtoras Odebrecht e OAS, que quebraram após virarem alvos da Lava Jato. Nesta semana, a consultoria anunciou que o ex-juiz da operação Sérgio Moro será um dos sócios da A&M em São Paulo. 

Segundo reportagem do Blog do Vicente, no Correio Braziliense, a 1ª Vara de Falências e Recuperações Judiciais de São Paulo definiu que no caso da OAS a remuneração da A&M  totalizará R$ 15 milhões. O valor será dividido em 30 parcelas mensais, sendo as 10 primeiras de R$ 400 mil e as 10 seguintes, de R$ 500 mil, e o restante das parcelas, R$ 600 mil, cada. No caso da Odebrecht, estão previstos de forma provisória pagamentos que somam  R$ 19,8 milhões 

Ainda segundo a reportagem, um amigo de Moro teria dito que o ex-juiz fez “um negócio espetacular. Com o dinheiro que ganhará, deve abrir mão dos interesses políticos, por enquanto”.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247