Fiocruz informa que testagem de Covid-19 no Brasil vai aumentar, mas processo é lento

Um dos países com a testagem mais precária na pandemia de coronavírus - o país testou até agora apenas 62 mil pacientes -, o Brasil terá sua capacidade ampliada, mas para apenas 30 mil testes diários - e só em maio

(Foto: Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O Brasil irá triplicar a capacidade de fazer testes para o coronavírus e chegará a 30 mil verificações por dia no mês de maio. A informação foi divulgada pela Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) que é responsável pela produção e capacitação de laboratórios no Brasil. 

Como comparação, o Ministério da Saúde informa atualmente a realização de apenas 62,8 mil testes desde o início da epidemia, dado que já tem mais de uma semana.

A reportagem do portal Uol destaca que "a produção e aquisição de exames de RT-PCR (moleculares) —mais precisos do que os testes rápidos— já teve aumento no país. A Fiocruz entregará 1 milhão desse tipo de teste ao final deste mês. O estado de São Paulo adquiriu outro 1,3 milhão de produtos na Coreia do Sul. Agora, o próximo passo é expandir a capacidade de processar esses exames."

Marco Krieger, vice-presidente de Produção de Inovação em Saúde da Fiocruz, afirmou que os Laboratórios do Brasil "tinham capacidade de testagem de 3.000 testes por dia antes da crise do coronavírus. Já aumentou em cerca de três vezes, e chegou a 9.000 ou 10 mil. Precisamos crescer mais 20 mil testagens por dia."

A matéria ainda informa que "por isso, havia uma quantidade significativa de testes com demora para sair resultados. Em São Paulo, esse número chegou a ser de 17 mil exames, e agora caiu para 9.300. A ideia é que agora os exames sejam processados em um prazo entre 24 a 48 horas. São 30 laboratórios públicos pelo país —27 estaduais e três de referência federais. Universidades têm feito parcerias com alguns desses laboratórios para ampliar sua capacidade de testes. Já laboratórios privados estão fazendo processamento de resultados em separado."

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247